Itens do carro que o motorista pode revisar

Segundo o Detran-PR e um estudo feito sobre as causas dos acidentes rodoviários no Brasil, as chances de acidentes triplicam nos veículos sem manutenção. Por isso, veja abaixo as revisões que podem ser feitas pelo próprio motorista.


No Brasil, 80% dos automóveis em circulação apresentam algum problema que pode colocar todos os ocupantes do veículo em risco, como, por exemplo, lanterna queimada, pneu careca e falta de seta. Por isso, é tão importante que o condutor verifique alguns itens antes de pegar a estrada, como o combustível, por exemplo, que pode causar uma pane seca no carro ou acabar, fazendo com que o motorista tenha muitos transtornos como receber uma multa no valor de R$ 130,16, perder quatro pontos na carteira e, ainda, ter o carro removido.

Outros itens que podem e devem ser verificados pelo próprio condutor são: o nível de água do motor, que deve ser verificado, no mínimo, uma vez por mês; a parte elétrica, ou seja, a buzina, as luzes, o sistema de som e o ar-condicionado; os pneus, para garantir estabilidade, segurança e durabilidade; o óleo, já que se este item vencer ele poderá oxidar e fundir o motor; o cinto de segurança, que deve estar bem preso à carroceria do automóvel; e as palhetas do para-brisa, que não devem estar ressecadas, para não afetar a visibilidade do motorista e causar barulhos e arranhões nos vidros.


Você precisa de ajuda para regularizar o documento de seu veículo? Recebeu uma notificação de infração de trânsito (multa) e e deseja recorrer? Então você precisa de um Despachante Online. Conheça nossos serviços. Saiba mais.

Este site divulga conteúdos baseados em informações do Detran de seus respectivos Estados, e facilitando a vida do cidadão com informações sobre Multas, IPVA, CNH, Agendamentos, além de dicas sobre o trânsito e concursos públicos promovidos pelo órgão.

Dessa maneira, estamos à disposição do cidadão brasileiro para oferecer informações, e que esta se reverta em facilidades.